Consumo consciente: salvando o planeta e o seu bolso

O consumo consciente é fundamental no equilíbrio das finanças pessoais

Consumo consciente, segundo o Ministério do Meio Ambiente, é levar em conta o meio ambiente, a saúde humana e animal e as relações justas de trabalho na hora de escolher produtos e serviços.

Mas ser um consumidor consciente é muito mais que isso e pode sim fazer bem ao seu bolso, e não apenas ao planeta.

Com organização, planejamento e uma pitada de força de vontade (para vencer as tentações do consumismo) é possível economizar e, de quebra, salvar o planeta.

Confira nossas dicas e tenha um “ano novo, vida nova” pra valer:

Consumo consciente no supermercado

Fazer uma lista antes de sair às compras com o que realmente está faltando na despensa é o primeiro passo para ser um consumidor consciente.

Sem um “roteiro” na mão, muitas vezes, compramos produtos que não precisamos seduzidos por promoções.

Além disso, prefira fazer compras semanalmente, isso diminui o risco de desperdício e possibilita a compra de produtos mais frescos e saudáveis.

Por último, não vá ao mercado com fome. Parece mito, mas temos tendência a comprar menos quando estamos saciados.

Consumo consciente no shopping

A dica primordial é: não vá ao shopping só para olhar vitrines.

Muitas pessoas vão passear no shopping como uma opção de “lazer (quase) gratuito”, mas dificilmente conseguem sair dali sem consumir algo, nem que seja na praça de alimentação.

Quando andar no shopping for inevitável, vá munido de uma dose extra de força de vontade para sair ileso de tantas “vitrines promocionais”.

Consumo consciente no salão de beleza

Se andar no shopping é complicado, quando o assunto é beleza manter o equilíbrio é igualmente desafiador.

No salão, por exemplo, vale a pena pesquisar a existência de planos trimestrais ou semestrais para serviços corriqueiros como manicure, pedicure, depilação, etc.

E como em outros aspectos da vida financeira, planejar a compra de serviços mais caros, como tratamentos estéticos, pode render bons descontos.

Consumo consciente em casa

Dicas bastante conhecidas como reduzir o tempo do banho, acumular roupas para lavar e passar de uma vez, apagar as luzes e desligar aparelhos eletrônicos continuam sendo a base de consumo consciente.

Temos um post apenas para tratar do consumo consciente de energia elétrica, que aumenta muito exatamente no verão, causando estragos no bolso.

Indo além dos itens básicos, vale a pena considerar o conserto e/ou customização de roupas para dar uma atualizada no armário e o aluguel de algum equipamento ao invés da compra dependendo do volume de uso.

No final das contas, temos que ter em mente que o consumo consciente é fundamental não só na construção de uma sociedade mais justa e na preservação do planeta, mas também no equilíbrio de nossas finanças pessoais.

Com a economia que podemos obter ao ter uma relação mais saudável com o consumo, podemos pagar dívidas e investir para o futuro, garantindo uma vida financeira estável e tranquila.

O mais importante é não deixar o consumo consumir você!