Concurso público: uma decisão financeira

Procura por concurso cresce com a crise

Pelo menos 143 órgãos estão com inscrições abertas para concurso, totalizando mais de 36 mil vagas para todos os níveis de escolaridade pelo Brasil inteiro.

Em tempos de crise e desemprego no setor privado, essa notícia soa como música para muitos que ainda sonham com a ideia de estabilidade que o emprego público traz.

Mas antes de pensar em fazer concurso, tem alguns fatores muito importantes a serem considerados para que o sonho da aprovação não se torne pesadelo.

1) Estudo x Dinheiro

Quem conhece alguém que prestou concurso sabe o quanto é preciso se dedicar para conseguir passar.

Então, antes de mais nada, planeje como você vai estudar e como isso vai afetar sua vida… financeiramente!

Sim, além de ter que abrir mão de seus momentos de lazer, estudar para um concurso também lança um desafio financeiro.

Se você optar por estudar sozinho, é possível que tenha que parar de trabalhar ou trabalhar menos para ter tempo suficiente.

Por outro lado, se decidir fazer um curso preparatório, prepare primeiro o bolso, porque eles não costumam ser baratos – e também exigem dedicação fora da sala de aula.

Avalie bem como ficarão suas finanças neste período e, se possível, faça uma reserva para emergências.

2) Analise seu empregador

Anteriormente, publicamos um artigo sobre os fatores que devem ser analisados na hora de mudar de emprego – leia aqui na íntegra.

Pois bem, fazer um concurso requer o mesmo tipo de análise, afinal a relação de trabalho é a mesma.

A ideia é: não compare apenas o salário. Tenha em mente os benefícios que ele oferece, o local de trabalho, etc.

E mais: com tantos Estados e Municípios “quebrando” – o caso mais notório é o do Rio de Janeiro –  vale a pena se informar sobre como andam as finanças do seu empregador, afinal de que adianta ter emprego sem salário?

3) E sua carreira, como fica?

Será que a estabilidade vale seu plano de carreira? Você está preparado para fazer a mesma coisa pelo resto da sua vida (profissional)? Como isto pode impactar outros aspectos da sua vida?

Estas são perguntas muito pertinentes quando o assunto é concurso, afinal, na maioria dos casos, não existe plano de carreira.

4) Política se discute

Outro fator muito importante que quase ninguém pensa na hora de fazer concurso é como as mudanças políticas influenciarão sua vida.

Toda mudança de governo – principalmente quando há mudança no partido da situação – vai de alguma maneira afetar seu trabalho, afinal quando a alta direção de qualquer companhia muda é natural que haja um efeito cascata, certo?

É importante levar isso em conta e estar preparado, pois elas vão acontecer de 4 em 4 anos.

Fazer concurso pode ser sim uma ótima opção, mas como tudo na vida, tem seus prós e contras.

O mais importante é analisar todos os aspectos com antecedência para tomar a melhor decisão.

E se a sua for mesmo virar concurseiro, estude bastante e boa sorte!